Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  |   | 

Facebook Twitter Google+ email email

Anunciar Empresa
Ribas do Rio Pardo: Por nepotismo, MPE pede exoneração de sobrinha e cunhado de prefeito

Ribas do Rio Pardo: Por nepotismo, MPE pede exoneração de sobrinha e cunhado de prefeito

Duas recomendações do MPE-MS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) pedem a exoneração, em até dez dias, de
Frio chega a 3°C em Ribas do Rio Pardo e geada atinge quase todo o município

Frio chega a 3°C em Ribas do Rio Pardo e geada atinge quase todo o município

A madrugada desta quarta-feira (19) foi gelada em todo o estado de Mato Grosso do Sul, onde a geada se
Novo salário mínimo de R$ 979,00 tem impacto de R$ 12,7 bilhões nas contas do governo em 2018

Novo salário mínimo de R$ 979,00 tem impacto de R$ 12,7 bilhões nas contas do governo em 2018

O aumento do salário mínimo de R$ 937 para R$ 979 em 2018 terá impacto de R$ 12,7 bilhões nas
Tragédia: Na contramão, caminhonete bate em moto e motociclista morre carbonizado próximo a Ribas do Rio Pardo

Tragédia: Na contramão, caminhonete bate em moto e motociclista morre carbonizado próximo a Ribas do Rio Pardo

Leandro Pinheiro, de 28 anos, morreu carbonizado após sofrer um acidente por volta das 20h15 desse sábado (15), na BR-262,
DEFESA VÊ “INVESTIGAÇÃO POLITICAMENTE MOTIVADA” (Seu julgamento envergonhou o Brasil ao ignorar evidências esmagadoras de inocência e sucumbir a um viés político)

DEFESA VÊ “INVESTIGAÇÃO POLITICAMENTE MOTIVADA” (Seu julgamento envergonhou o Brasil ao ignorar evidências esmagadoras de inocência e sucumbir a um viés político)

Em nota, os advogados Cristiano Zanin Martins e Valeska Teixeira Zanin Martins, que defendem o ex-presidente Lula, afirmam que "o
Saiba o que vai cair no concurso da Câmara Municipal de Ribas do Rio Pardo

Saiba o que vai cair no concurso da Câmara Municipal de Ribas do Rio Pardo

Você já está estudando para o concurso da Câmara Municipal de Ribas do Rio Pardo? Se você está perdido e
Homem é encontrado morto em quarto de hotel em Ribas do Rio Pardo

Homem é encontrado morto em quarto de hotel em Ribas do Rio Pardo

De acordo com o boletim de ocorrência um homem de 55 anos foi encontrado morto em um dos quartos do
Senadores de MS votam pela aprovação da reforma trabalhista

Senadores de MS votam pela aprovação da reforma trabalhista

Os três senadores de Mato Grosso do Sul votaram a favor da reforma trabalhista, nesta terça-feira (11), em pleito realizado

Catraca Livre em Queda Livre após vulgarizar a tragédia da Chapecoense


face
Esta postagem foi publicada em 1 de dezembro de 2016 Brasil, Notícias Barra Lateral, Surreal.

Gráfico indica queda de seguidores do Catraca Livre no Facebook. Fonte www.quintly.com 10h24, 01/12/2016

Divulgação Gráfico indica queda de seguidores do Catraca Livre no Facebook. Fonte www.quintly.com 10h24, 01/12/2016

Na época da informação instantânea, alguns jornalistas possuem o péssimo hábito de caçar cliques para suas matérias de forma predatéoria e irresponsável. No entanto, estes profissionais esquecem que os leitores também possuem reações instantâneas, tanto para as matérias sérias e de qualidade, quanto para os oportunistas e exploradores. Os seguidores do Catraca Livre de Gilberto Dimenstein, no Facebook, o classificam na segunda categoria e estão abandonando sua página aos milhares. 

E por que isso está acontecendo?  Gilberto Dimenstein subestimou a inteligencia e sensibilidade de seus leitores, e do povo brasileiro, ao decidir explorar de forma vulgar e gananciosa a tragédia da Chapecoense. Ele postou fotos, vídeos e títulos de matérias de péssimo gosto, com o objetivo de gerar um grande movimento na página do Cataraca Livre e ganhar mais cliques e seguidores. Cego, ele mexeu com o assunto errado, de forma errada e com o povo errado.

O resultado? Exatamente o contrário do que o jornalista esperava: uma forte reação de revolta , seguida pela debandada de seus seguidores do Catraca Livre.  Ao divulgar uma nota se desculpando, o jornalista se complicou mais ainda, usando um tom arrogante e autoindulgente escrevendo, entre outros, o seguinte absurdo:  “Ganhei todos os prêmios possíveis como escritor e jornalista”.  Leia detalhes no link acima.

Quem estiver curioso, pode acompanhar o declínio do Cataraca Livre, visitando sua página no Facebook e clicando em “Likes” no lado esquerdo inferior da tela. Lá há um gráfico indicando um pico de acessos no dia do acidente (madrugada de 28 para 29), e na sequencia, quando os internautas se deram conta da baixaria protagonizada por Dimenstein, o gráfico despenca de forma vertiginosa. Se você quiser ver os fãs abandonando a página ao vivo, em tempo real, acesse o site Quintly e clique o botão laranja “See Live Statistics” neste link. É impressionante.

Fonte: Esporte – iG 


85 Visualizações

Notícias em Destaque



Publicidades

Tweater

-