Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  |   | 

Facebook Twitter Google+ email email

Anunciar Empresa
Ribas do Rio Pardo: Por nepotismo, MPE pede exoneração de sobrinha e cunhado de prefeito

Ribas do Rio Pardo: Por nepotismo, MPE pede exoneração de sobrinha e cunhado de prefeito

Duas recomendações do MPE-MS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) pedem a exoneração, em até dez dias, de
Frio chega a 3°C em Ribas do Rio Pardo e geada atinge quase todo o município

Frio chega a 3°C em Ribas do Rio Pardo e geada atinge quase todo o município

A madrugada desta quarta-feira (19) foi gelada em todo o estado de Mato Grosso do Sul, onde a geada se
Novo salário mínimo de R$ 979,00 tem impacto de R$ 12,7 bilhões nas contas do governo em 2018

Novo salário mínimo de R$ 979,00 tem impacto de R$ 12,7 bilhões nas contas do governo em 2018

O aumento do salário mínimo de R$ 937 para R$ 979 em 2018 terá impacto de R$ 12,7 bilhões nas
Tragédia: Na contramão, caminhonete bate em moto e motociclista morre carbonizado próximo a Ribas do Rio Pardo

Tragédia: Na contramão, caminhonete bate em moto e motociclista morre carbonizado próximo a Ribas do Rio Pardo

Leandro Pinheiro, de 28 anos, morreu carbonizado após sofrer um acidente por volta das 20h15 desse sábado (15), na BR-262,
DEFESA VÊ “INVESTIGAÇÃO POLITICAMENTE MOTIVADA” (Seu julgamento envergonhou o Brasil ao ignorar evidências esmagadoras de inocência e sucumbir a um viés político)

DEFESA VÊ “INVESTIGAÇÃO POLITICAMENTE MOTIVADA” (Seu julgamento envergonhou o Brasil ao ignorar evidências esmagadoras de inocência e sucumbir a um viés político)

Em nota, os advogados Cristiano Zanin Martins e Valeska Teixeira Zanin Martins, que defendem o ex-presidente Lula, afirmam que "o
Saiba o que vai cair no concurso da Câmara Municipal de Ribas do Rio Pardo

Saiba o que vai cair no concurso da Câmara Municipal de Ribas do Rio Pardo

Você já está estudando para o concurso da Câmara Municipal de Ribas do Rio Pardo? Se você está perdido e
Homem é encontrado morto em quarto de hotel em Ribas do Rio Pardo

Homem é encontrado morto em quarto de hotel em Ribas do Rio Pardo

De acordo com o boletim de ocorrência um homem de 55 anos foi encontrado morto em um dos quartos do
Senadores de MS votam pela aprovação da reforma trabalhista

Senadores de MS votam pela aprovação da reforma trabalhista

Os três senadores de Mato Grosso do Sul votaram a favor da reforma trabalhista, nesta terça-feira (11), em pleito realizado

Como rastrear um celular perdido ou roubado


rastrear
Esta postagem foi publicada em 28 de junho de 2016 Destaques 5, Notícias Barra Lateral.

Recursos disponíveis nos principais sistemas exibem a posição do aparelho no mapa e impedem o acesso de terceiros

Brasil Econômico

Perder o celular ou ter o aparelho roubado é um dos grandes temores dos usuários
BBC

Perder o celular ou ter o aparelho roubado é um dos grandes temores dos usuários

Todo usuário que já perdeu o celular ou foi roubado sabe que o processo não é nada fácil. Além de não contar mais com o aparelho, o usuário fica com a preocupação de bloquear informações para que outra pessoa não tenha acesso a fotos, mensagens e contatos salvos no smartphone.

Entretanto, o que era uma tarefa complicada ficou um pouco mais simples com a ajuda de ferramentas que ajudam a rastrear um celular perdido ou roubado. Ao acessar a plataforma do smartphone, o usuário consegue localizar ou bloquear o aparelho sem a necessidade de ter um aplicativo instalado no smartphone. Confira os recursos disponíveis para os principais sistemas operacionais para rastrear um celular perdido ou roubado.

Android

Os smartphones com o sistema operacional do Google podem ser localizados ao pesquisar “encontre meu telefone” no buscador. A página encaminha o usuário para a área Minha Conta, onde serão exibidos os aparelhos vinculados aquela conta do Google. Além de localizar o aparelho, a ferramenta consegue bloquear o smartphone e exibir uma mensagem para quem achá-lo. O recurso deixa como única opção disponível ligar para um número adicional registrado pelo dono do celular.

O usuário também pode fazer o celular tocar no volume máximo caso ele tenha esquecido onde o deixou. A plataforma também permite que o dono do smartphone saia da conta registrada no celular para evitar que outra pessoa tenha acesso às suas informações pessoais.

Apple

Os dispositivos com iOS possuem um recurso semelhante ao Android, mas precisam estar logados no iCloud, serviço de armazenamento na nuvem da Apple. Ao acessar a plataforma, o usuário poderá ver a ferramenta Find My Phone, que consegue exibir a posição do aparelho em um mapa. O usuário também pode travar o dispositivo à distância e enviar uma mensagem com um número de contato.

Plataforma da Apple permite apagar as informações salvas no smartphone
Pexels

Plataforma da Apple permite apagar as informações salvas no smartphone

Assim, a pessoa que estiver com o smartphone só poderá ligar para o dono do smartphone e não conseguirá acessar as informações salvas no dispositivo. Em casos mais extremos, há a possibilidade de apagar o conteúdo do celular remotamente e voltar aos ajustes de fábrica. Se o dispositivo for encontrado, é possível recuperar as informações por meio de um backup no iCloud.

Windows Phone

A Microsoft também oferece um localizador para aparelhos com o seu sistema operacional. O recurso está disponível na área de dispositivos do site da empresa. Para localizar o aparelho, o usuário deve logar com a mesma conta usada no smartphone. Em seguida, a plataforma informa quais celulares estão vinculados a esta conta. Na coluna da direita, clique em Encontrar meu telefone.

A ferramenta exibe o horário e o local em que o aparelho foi visto pela última vez. Ao clicar no link, o usuário pode visualizar um mapa com mais detalhes. A plataforma consegue emitir um som no celular para encontrá-lo. Se desejar, o usuário pode bloquear o smartphone e exibir uma mensagem personalizada na tela para que a pessoa que tenha encontrado o aparelho entre em contato.

Bloqueio com a operadora

Caso o problema não tenha sido resolvido por meio da plataforma do sistema operacional, o usuário pode entrar em contato com a operadora e solicitar o bloqueio do aparelho. O processo se tornou mais simples e o usuário não precisa informar mais o IMEI. A única informação necessária é o número do celular. Se o aparelho for recuperado, o usuário pode pedir o desbloqueio ligando novamente para a operadora.

Em caso de roubo, é necessário ir até uma delegacia e registrar a ocorrência. Em alguns estados, o bloqueio pode ser feito diretamente pela polícia no momento do registro da ocorrência. As polícias civis dos estados da Bahia, Ceará e Espírito Santo já têm acesso ao sistema. De acordo com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a Polícia Federal e as polícias civis de Goiás, Mato Grosso, Rio de Janeiro e São Paulo terão acesso ao sistema em breve.


100 Visualizações

Notícias em Destaque



Publicidades

Tweater

-