Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  |   | 

Facebook Twitter Google+ email email

Anunciar Empresa
Promotor recomenda que Câmara de Ribas do Rio Pardo fiscalize horário de 32 servidores

Promotor recomenda que Câmara de Ribas do Rio Pardo fiscalize horário de 32 servidores

Promotor da comarca de Ribas do Rio Pardo, , George Zarour Cezar recomendou que a Câmara Municipal realize o controle
Após 40 anos, bairro de Ribas será asfaltado por meio da parceria com o Governo

Após 40 anos, bairro de Ribas será asfaltado por meio da parceria com o Governo

Bairro São Sebastião, um dos bairros mais antigos de Ribas do Rio Pardo, irá receber pavimentação asfáltica por meio da parceria
Tradicional ornamentação da festa de Corpus Christi em Ribas do Rio Pardo reuniu mais de 500 pessoas

Tradicional ornamentação da festa de Corpus Christi em Ribas do Rio Pardo reuniu mais de 500 pessoas

Tradicional ornamentação da festa de Corpus Christi em Ribas do Rio Pardo reuniu mais de 500 pessoas Tapete foi montado na Av. Nelson Lirio e
Mulher joga bebê do décimo andar de prédio em chamas e homem consegue pegar

Mulher joga bebê do décimo andar de prédio em chamas e homem consegue pegar

Um incêndio, que se estendeu por toda a madrugada, destruiu um prédio residencial de 24 andares em Londres, nesta quarta-feira
Incêndio atinge prédio de 24 andares e deixa 6 mortos em Londres

Incêndio atinge prédio de 24 andares e deixa 6 mortos em Londres

74 ficaram pessoas ficaram feridas no incêndio que atingiu a torre Grenfell, no oeste da cidade. Bombeiros descartaram risco de
Ribas do Rio Pardo: Flores, uma ótima opção de presente, confira

Ribas do Rio Pardo: Flores, uma ótima opção de presente, confira

Dia dos namorados merecem flores Para presentear sua namorada a melhor opção é oferecer um presente que com certeza vai agrada-la
Domingo amanhece gelado com geada em várias partes da cidade

Domingo amanhece gelado com geada em várias partes da cidade

Quando a temperatura do ar de uma região cai abaixo do ponto de congelamento da água (0° C), pode ocorrer
Centenas de pessoas amanhecem na fila para receber o FGTS em Ribas do Rio Pardo

Centenas de pessoas amanhecem na fila para receber o FGTS em Ribas do Rio Pardo

Saques do FGTS começaram hoje para nascidos em setembro, outubro e novembro Começa neste sábado (10),  a quarta fase de saques

Dados sugerem queda de nascimentos no Brasil no 2º semestre de 2016; zika pode ter tido impacto


mco_54901 (1)
Esta postagem foi publicada em 17 de junho de 2017 Brasil, Notícias Barra Lateral.

Números de nascidos vivos são preliminares e ainda podem ser atualizados nos próximos meses. Pesquisa indica que epidemia de zika impactou planos de gravidez.

No segundo semestre de 2016, a médica Sandra Valongueiro, pesquisadora da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), começou a ouvir relatos sobre uma diminuição do número de mulheres nas maternidades do Recife. Como o estado foi um dos epicentros da emergência de zika a partir de novembro de 2015, a observação chamou a atenção da especialista, que também faz parte do Grupo de Pesquisa da Epidemia da Microcefalia (Merg, na sigla em inglês).

Ao mesmo tempo, a pesquisadora Leticia Marteleto, professora do Centro de Estudos de População da Universidade do Texas em Austin, nos Estados Unidos, passou a estudar os possíveis impactos da zika no comportamento reprodutivo. Entrevistas que ela e sua equipe fizeram com grupos de mulheres do Recife e de Belo Horizonte revelaram de maneira clara o medo de engravidar no contexto da epidemia, afinal grávidas infectadas por zika têm risco aumentado de terem bebês com microcefalia. As duas pesquisadoras se uniram para investigar se os números de nascimentos refletiam esses relatos.

A questão também despertou o interesse do médico Fredi Alexander Diaz Quijano, professor do Departamento de Epidemiologia da Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (USP), que iniciou uma busca por informações atualizadas sobre nascimentos no Brasil em 2016.

Atualmente, dados ainda preliminares obtidos pelo G1 sugerem uma redução do número de nascidos vivos a partir do segundo semestre de 2016 em todo o país, em comparação com os anos anteriores, precisamente nove meses depois do início da emergência por zika e microcefalia no país.

O G1 solicitou os dados de nascidos vivos por mês, de 2013 a 2016, ao Ministério da Saúde e às secretarias de saúde em todo o país. Recebemos do ministério os dados nacionais de nascimentos e, das secretarias, os números específicos referentes a 10 estados. As informações estão representadas no infográfico. Além disso, também foram obtidos dados de nascimentos referentes a 11 capitais.

Por Mariana Lenharo, G1


15 Visualizações

Notícias em Destaque



Publicidades

Tweater

-