Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  |   | 

Facebook Twitter Google+ email email

Anunciar Empresa
Cavalaria da PMMS garante segurança na Cavalgada em Louvor a Nossa Senhora Aparecida em Ribas do Rio Pardo

Cavalaria da PMMS garante segurança na Cavalgada em Louvor a Nossa Senhora Aparecida em Ribas do Rio Pardo

Campo Grande (MS) – A Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul através do 1° Esquadrão Independente de
Autoridades se unem para controlar incêndio em Ribas do Rio Pardo

Autoridades se unem para controlar incêndio em Ribas do Rio Pardo

Estimativa é de que as chamas consumiram 500 hectares de florestas de eucalipto Equipes do Governo do Estado se uniram a
Homem é espancado e roubado ao sair do Banco do Brasil em Ribas do Rio Pardo

Homem é espancado e roubado ao sair do Banco do Brasil em Ribas do Rio Pardo

O crime aconteceu nesta terça-feira (12), na Avenida Aureliano Moura Brandão, região central da cidade.   De acordo com informações do boletim
6ª CIPM- Polícia militar de Ribas do Rio Pardo divulga balanço da “Operação Independência”

6ª CIPM- Polícia militar de Ribas do Rio Pardo divulga balanço da “Operação Independência”

Foi desencadeada no último dia 7 de setembro no Município de Ribas do Rio Pardo a “Operação Independência” com o
Conheça e saiba usar plantas e flores medicinais, disponíveis na Bim Floricultura em Ribas do Rio Pardo

Conheça e saiba usar plantas e flores medicinais, disponíveis na Bim Floricultura em Ribas do Rio Pardo

Um guia para esclarecer, de vez, como recorrer às propriedades da nossa flora sem correr riscos O uso de plantas para tratar doenças
Ribas do Rio Pardo: Por nepotismo, MPE pede exoneração de sobrinha e cunhado de prefeito

Ribas do Rio Pardo: Por nepotismo, MPE pede exoneração de sobrinha e cunhado de prefeito

Duas recomendações do MPE-MS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) pedem a exoneração, em até dez dias, de
Frio chega a 3°C em Ribas do Rio Pardo e geada atinge quase todo o município

Frio chega a 3°C em Ribas do Rio Pardo e geada atinge quase todo o município

A madrugada desta quarta-feira (19) foi gelada em todo o estado de Mato Grosso do Sul, onde a geada se
Novo salário mínimo de R$ 979,00 tem impacto de R$ 12,7 bilhões nas contas do governo em 2018

Novo salário mínimo de R$ 979,00 tem impacto de R$ 12,7 bilhões nas contas do governo em 2018

O aumento do salário mínimo de R$ 937 para R$ 979 em 2018 terá impacto de R$ 12,7 bilhões nas

Taxa de desemprego avança em MS e chega a 9,2% no ano


construcaocivil
Esta postagem foi publicada em 19 de maio de 2017 Destaques 3, Notícias Barra Lateral, Notícias da Região.

Taxa de desemprego em Mato Grosso do Sul passou de 8,2% para 9,2% da força de trabalho entre o último trimestre de 2016 e os primeiros três meses deste ano, de acordo com dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

É a maior taxa desde 2012, início da série histórica da Pesquisa Nacional por Amostra de Domícilios (PNAD) Contínua Trimestral, que analisa os principais indicadores do mercado de trabalho do País, com recorte por região, unidade da federação e capitais. No mesmo trimestre do ano passado (janeiro a março), o indicador havia chegado a 7,8% no Estado.

A PNAD Contínua aponta ainda que Mato Grosso do Sul fechou o primeiro trimestre deste ano com 134 mil pessoas desempregadas, 22 mil a mais que o contingente registrado entre outubro e dezembro de 2016, de 112 mil trabalhadores (crescimento de 19,6%).

No mesmo trimestre do ano anterior, havia 104 mil pessoas desocupadas no Estado (30 mil pessoas perderam postos de trabalho  em um ano, considerando o universo de dados do levantamento).

Por setor, as maiores quedas no Estado, também considerando a passagem por trimestre, foram observadas para outros serviços (-18,1%), recuando de 71 mil para 58 mil trabalhadores, seguida de serviços domésticos (-10,7%), setor em que a força de trabalho reduziu de 109 mil para 98 mil pessoas.

Em construção, a queda foi de 9,9%, saindo de 116 mil para 104 mil trabalhadores. Também houve encolhimento de 3% em comércio, reparação de veículo automotores e motocicletas, de 243 mil para 235 mil trabalhadores.

Correio do Estado


144 Visualizações

Notícias em Destaque



Publicidades

Tweater

-