Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  |   | 

Facebook Twitter Google+ email email

Anunciar Empresa
Cavalaria da PMMS garante segurança na Cavalgada em Louvor a Nossa Senhora Aparecida em Ribas do Rio Pardo

Cavalaria da PMMS garante segurança na Cavalgada em Louvor a Nossa Senhora Aparecida em Ribas do Rio Pardo

Campo Grande (MS) – A Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul através do 1° Esquadrão Independente de
Autoridades se unem para controlar incêndio em Ribas do Rio Pardo

Autoridades se unem para controlar incêndio em Ribas do Rio Pardo

Estimativa é de que as chamas consumiram 500 hectares de florestas de eucalipto Equipes do Governo do Estado se uniram a
Homem é espancado e roubado ao sair do Banco do Brasil em Ribas do Rio Pardo

Homem é espancado e roubado ao sair do Banco do Brasil em Ribas do Rio Pardo

O crime aconteceu nesta terça-feira (12), na Avenida Aureliano Moura Brandão, região central da cidade.   De acordo com informações do boletim
6ª CIPM- Polícia militar de Ribas do Rio Pardo divulga balanço da “Operação Independência”

6ª CIPM- Polícia militar de Ribas do Rio Pardo divulga balanço da “Operação Independência”

Foi desencadeada no último dia 7 de setembro no Município de Ribas do Rio Pardo a “Operação Independência” com o
Conheça e saiba usar plantas e flores medicinais, disponíveis na Bim Floricultura em Ribas do Rio Pardo

Conheça e saiba usar plantas e flores medicinais, disponíveis na Bim Floricultura em Ribas do Rio Pardo

Um guia para esclarecer, de vez, como recorrer às propriedades da nossa flora sem correr riscos O uso de plantas para tratar doenças
Ribas do Rio Pardo: Por nepotismo, MPE pede exoneração de sobrinha e cunhado de prefeito

Ribas do Rio Pardo: Por nepotismo, MPE pede exoneração de sobrinha e cunhado de prefeito

Duas recomendações do MPE-MS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) pedem a exoneração, em até dez dias, de
Frio chega a 3°C em Ribas do Rio Pardo e geada atinge quase todo o município

Frio chega a 3°C em Ribas do Rio Pardo e geada atinge quase todo o município

A madrugada desta quarta-feira (19) foi gelada em todo o estado de Mato Grosso do Sul, onde a geada se
Novo salário mínimo de R$ 979,00 tem impacto de R$ 12,7 bilhões nas contas do governo em 2018

Novo salário mínimo de R$ 979,00 tem impacto de R$ 12,7 bilhões nas contas do governo em 2018

O aumento do salário mínimo de R$ 937 para R$ 979 em 2018 terá impacto de R$ 12,7 bilhões nas

Tribunal choca EUA ao inocentar acusado de estupro porque a vítima estava embriagada


tribunal
Esta postagem foi publicada em 29 de abril de 2016 Mundo, Noticia Extra.

A decisão provocou grande indignação entre a população local e críticos do sistema judicial do Estado de Oklahoma

A corte de apelações do Estado de Oklahoma, nos Estados Unido

A corte de apelações do Estado de Oklahoma, nos Estados Unido(Spencer Weiner/LA Times/Getty Images)

Uma corte de apelações do Estado de Oklahoma, nos Estados Unidos, chocou o país ao declarar que sexo oral forçado não é crime, segundo a lei estadual, se a vítima está inconsciente por embriaguez. A decisão decorre de um caso registrado em 2014, envolvendo um adolescente de 17 anos acusado de abusar de uma menina de 16 anos de idade.

Os cinco juízes responsáveis pelo caso concordaram que, embora a jovem estivesse inconsciente no momento do ato sexual, o adolescente não é culpado dos crimes de estupro ou sodomia forçada – sexo oral ou anal à força. A sentença se baseou no fato de que a atual legislação estadual não cita, entre os critérios que caracterizam crimes sexuais, a circunstância em que a vítima está embriagada.

Segundo o jornal The Guardian, o abuso aconteceu no carro do adolescente, que se ofereceu para dar carona a menina. Os dois bebiam em um parque na cidade de Tulsa com amigos, quando a garota passou mal e ficou inconsciente. Após chegar na casa de sua avó, a garota foi levada para um hospital para a realização de um exame de agressão sexual. O teste confirmou que o DNA do adolescente acusado estava ao redor de sua boca e na parte de trás de suas pernas. Os médicos constaram também que o nível de álcool em seu sangue era altíssimo.

Em depoimento, o garoto afirmou que a menina consentiu em fazer sexo oral, mas a adolescente negou e afirmou que não se lembrava de nada do que aconteceu naquela noite. Testemunhas que viram a menina entrando no carro do acusado também confirmaram que ela estava bêbada e que duas pessoas tiveram de carregá-la até o veículo do adolescente.

O garoto foi acusado de estupro e sodomia forçada, mas o Tribunal do Distrito de Tulsa rejeitou as acusações. No dia 24 de março, a corte de apelações do estado de Oklahoma confirmou a decisão tomada, utilizando a mesma justificativa do primeiro tribunal. “Sodomia forçada não pode ocorrer quando a vítima está tão intoxicada a ponto de estar completamente inconsciente no momento do ato sexual de copulação oral,” afirma o parecer.

A decisão provocou grande indignação entre a população local e críticos do sistema judicial do Estado. Especialistas e os advogados das vítimas afirmaram que o veredito evidencia lacunas preocupantes existentes entre a legislação local e o entendimento geral sobre o que é considerado estupro ou sexo consentido.

(Da redação)


356 Visualizações

Notícias em Destaque



Publicidades

Tweater

-